domingo, 31 de outubro de 2010

descansando

palavras não me machucam mais, aqueles antigos tormentos também me deixaram. Hoje apenas penso em dar o meu melhor ao meu amor. Não quero ser um obstáculo, muito menos um espinho em seu caminho. quero ser aquele que você sempre desejou contigo. eu sou esse cara, mas quero ser muito mais, por mim, por você. Passei algumas noites na angústia de que demoraria para nos encontrarmos novamente, enfim não preciso ter receio, porque você mora dentro de mim, e eu sei que eu moro dentro de você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário