domingo, 10 de outubro de 2010

Capítulo um.

Depois de tempos vagando por um mundo sem direção e sentidos, ele finalmente se encontra novamente, amando? talvez, com o coração ardendo em chamas, pronto pra seguir uma direção segura, um rumo de certezas e felicidades. apenas uma noite bastou, para ele conquistar realmente ela. pra ele concretizar tudo aquilo que se passava em sua mente. todas as noites sonhando em dividir um sentimento tão lindo com alguém, ele se confundiu algumas vezes com pessoas que não mereciam tal sentimento, outras que não combinavam com ele, outras pessoas que foram boas, outras que foram más, mas uma noite bastou pra ele usar tudo isso como um aprendizado. em meio a indiretas e momentos envergonhados ele se soltou, quando ele se encontrou com sua amada ele apenas expressava o que era verdadeiro dentro dele. o que ela expressava apenas era a segurança de ter alguém tão bom ao seu lado, alguém que ela pode dar valor. após muita conversa, idéias, expressões e olhares, tudo que lhes restava era a despedida, que por mais árdua, foi o momento que ficou gravado como uma escultura feita nas pedra. Não há NADA que um beijo não cure. não há nada que a saudade não tira a atenção, não há ninguém em que ele se encontrou tão perfeitamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário