segunda-feira, 19 de julho de 2010

últimocopo, último post do dia.

hoje o que eu senti foi diferente, eo me despedir de você.
senti sua falta no mesmo instante. não pude controlar esse sentimento.
eu estou meio tenso ainda, pelas palavras que disse a você.
mas eu senti que precisava dizer logo tudo aquilo.
eu queria que o tempo e lugar fosse um pocuo mais a favor dos nossos encontros.
eu tinha perdido totalmente a vontade de encontrar alguém, perdi a esperança em ter alguém.
perdi a noção de como é ter um amor, uma paixão, um sentimento forte.
ma ste vendo pela primeira vez, num dia em que eu cometi a viagem mais louca da minha vida,
as 4h da manha, eu ainda estava matutando, como será que verei ela denovo?
quando? aonde?com você tudo fica tão claro, o verdadeiro sentido de viver voltou a tona.
acordar as manhãs, e ter alguém pra pensar (você), acabar o trabalho e ter alguém com quem me encontrar.
chegar em casa, e ter uma inspiração pra tudo. se você confiar em mim, nada será irreal.
se você quiser que seja, tudo vai ser tão real quanto o abraço que eu te dou todos os dias.
aliás, mais intenso, e mais perfeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário